terça-feira, 31 de maio de 2011


“Essa coisa chamada ‘história de amor’ 
requer um certo tempo para ser 
construída,e as que dão certo são 
aquelas vividas com paciência, 
com o espírito aberto, e geralmente 
com qualquer um que consiga romper 
nossas defesas e nos fazer feliz.”

(Martha Medeiros)





A felicidade é simples, e quando você 
descobre isso ela deixa de ser uma 
espera e passa a ser um minuto,um 
segundo.E é de minutos e segundos 
que se faz a vida.

Tati Bernardi





“Pare de correr atrás,pare de se importar.
Seja indisponível,desapegue. 
Pessoas gostam, do que não têm.”

Caio Fernando Abreu




Um dia você vai encontrar o homem da 
sua vida.Seu melhor amigo, sua alma 
gêmea,aquele que você poderá contar 
seus sonhos.
Ele vai tirar seu cabelo dos olhos.
Ele vai ficar admirando você sem 
falar nada .Ele vai te ligar para 
dizer boa noite só porque ele
sente sua falta. Ele vai olhar no 
fundo de seus olhos e dizer: 
‘’Saudades de ti.’’
E pela primeira vez em sua vida,
você vai acreditar.


sábado, 28 de maio de 2011



Só ele conheceu uma mulher corajosa que admitiu todos 
os medos,todas as neuroses, todas as inseguranças,toda 
a parte feia e real que todo mundo quer esconder com 
chapinhas, peitos falsos, bundas falsas, bebidas,poses, 
frases de efeito, saltos altos, maquiagens e risadas altas. 
Ninguém nunca me viu tão nua e transparente como você, 
ninguém nunca soube do meu medo de nadar em lugares muito
profundos, de amar demais, de se  perder um pouco de tanto 
amar,de não ser boa o suficiente. Só ele viu meu corpo de 
verdade,minha alma de verdade, meu prazer de verdade, 
meu choro baixinho em baixo da coberta com medo de não ser 
bonita e inteligente.Só pra ele eu me desmontei inteira 
porque confiei que ele me amaria mesmo eu sendo 
desfigurada, intensa e verdadeira,como um quadro 
do Picasso.

Tati Bernardi.





QUE EU TENHA DELICADEZA PARA ACOLHER 
AQUELES QUE ENTRAREM NA RODA... E 
SABEDORIA PARA ABENÇOAR AQUELES QUE 
DELA SE RETIRAREM.

ANA JÁCOMO



terça-feira, 24 de maio de 2011

FOI BOM ENQUANTO DUROU,ACABOU...

Às vezes o destino parece cruel. 
Te separa da pessoa que você pensa ser tudo na sua vida.
Mas apesar de cruel, duvidoso e infeliz, ás vezes, 
o destino não erra.
Uma história pra ser quase perfeita precisa ter curvas.
E o relógio não pode soar sempre á meia-noite.

Gossip Girl



Às vezes é preciso ceder ao que a vida quer. 
O tempo muda as coisas, é natural. 
É preciso aceitar as mudanças. 
Entender que ninguém consegue controlar a vida, 
porque ela é soberana e só faz o que sabe que 
será para o nosso bem. 
Ás vezes é preciso aceitar que nem sempre 
as coisas são como gostaríamos, mas sim 
como devem ser. 
Há uma força maior que cuida de todos nós
e que nos dá o melhor. 
Mas é preciso saber enxergar!... 

Zíbia Gasparetto




terça-feira, 17 de maio de 2011

Tenho dentro de mim as quatro estações, 
mas sou apaixonada pelos dias ensolarados, 
e por noites enfeitadas de estrelas 
brilhantes.Minha razão me mantém com os 
pés no chão,mas o meu coração guia os 
meus passos e por isso eu consigo "voar". 
Tenho personalidade do tipo bem forte. 
Por vezes isso é bom, por outras,nem tanto. 
Tenho um olhar que sempre enxerga além das 
aparências,e os meus cinco sentidos são 
bem aguçados.Gosto de tudo que é simples, 
e sou adepta aos detalhes.Vivo cada instante 
intensamente, e me apego às emoções. 
Todo dia, descubro novos motivos para 
acreditar.Em mim, há uma paz que eu chamo 
de felicidade,e sonhos... 
Muitos sonhos (!) 

desc. autor



Dispenso uma vida rotulada,humores instáveis,
amor de hora marcada.Nego reviver o passado e 
ter maturidade quando quero colo.Discordo viver 
sobre desculpas e amordaçar minha tolerância.
Não esfolo meu valor com o descaso.Não podo 
minhas asas.Não oscilo de opinião.Adorno meus 
medos,dores são segredos;prefiro expor o que 
tenho de bom.Não sou de faces,mas tenho fases. 
Não invento personalidade,nem crio situações.
Que me achem fria;que me julguem estranha.
Que se afastem os que  confundirem autenticidade  
com estupidez.Sou o que quebra e não cola;o que 
brota mas também desfolha.
A intensidade de uma ocasião.
Perfeita,ou não...

 Patty Vicensotti 



domingo, 8 de maio de 2011

Aprendi que meninas boazinhas colecionavam 
elogios e presentes. Eu colecionava bolinhas 
de gude e cicatrizes. Hoje, enquanto algumas 
esperam viver um conto de fadas, eu já beijei 
príncipe que virou sapo, construí castelos para 
morar sozinha, despedi a fada madrinha, escolhi 
viver com o “lobo”, ouvi várias histórias, mas 
resolvi escrever a minha.

Renata Fagundes



“O que eu não aceito é ter nascido num mundo tão 
grande e conhecer só uma pequena parte. Vou voar. 
Quem conseguir compreender, que me acompanhe.”

Verônica Heiss





segunda-feira, 2 de maio de 2011

“Desculpem o trocadilho infame, mas a vida é feita 
de altos e baixos. Altos, fortes, morenos, sensuais, 
possíveis e aquele baixinho, meio esquisito, que não
 sai da sua cabeça.Impressionante como a gente sofre 
por nada. Um cheiro que mexe com você, um jeito de 
olhar contido, uma idéia inteligente, várias na verdade. 
Não, não é nada disso, a gente sofre é pela impossibilidade. 
Desde que o mundo é mundo não há nada mais afrodisíaco 
do que a proibição. 
(…) E nada melhor do que as lacunas da improbabilidade 
para esquentar uma paixão. Nessas lacunas você tem espaço 
para criar a história como quiser, ganha poder, inventa. 
Ele é seu, seu personagem. 
(…) Olha, faça um favor para mim, antes de tremer as pernas
 pelo inconquistável e apagar as luzes do mundo por um único 
brilho falso, olhe dentro de você e pergunte: estupidez, 
masoquismo ou medo de viver de verdade?”

              Tati Bernard                          





 É assim quando você vai tirar férias: 
você planeja tudo direitinho, porém um dia, 
você faz uma curva errada ou pega um atalho e 
acaba saindo em um lugar estranho que nem 
consegue achar no mapa.E começa a ver e fazer 
coisas que nem imaginava.Talvez se sinta um pouco 
perdido durante o trajeto, mas depois,com o tempo, 
percebe que foi a melhor parte de toda a viagem!... 

filme - as três formas de amar